nasce-se

hoje é o dia em que nasceram
os primeiros fios de cabelo
qua iam cobrir a metade das costas
e os pés para dar todos os passos
em direção ao mundo
hoje saíram os primeiros sons
da boca que ia viver das palavras
desconhecidas
cuidado com elas
são frágeis
como as palavras
o bebê também não pode
cair no chão
hoje passou a existir a pele
que era fininha e lisa
feito tecido
arrebentado pelos cortes e ralados
abrigo das manchas da superfície
e esconderijo das marcas lá de dentro
de mim
foi hoje que surgiram as sementinhas dos primeiros abraços
e beijos
e carinhos
recebidos para espalhar por aí
feito panfleto de show
só que em forma de sentimento
as batucadas, do coração
hoje passaram a existir as conexões nervosas
para as primeiras sensações dos primeiros amores
que eu ia sentir
sem saber o que era
amor
até o susto
de amar
hoje caíram as primeiras gotas
mas não era banho de mangueira
nem respingo de mar
torneira aberta tantas vezes
pelas tristezas
e alegrias
dessa vida

foi hoje
há uns anos atrás

82482009_795ce5f414

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s